Busca
Home
Quem Somos
Notícias
Tipos de Anúncios
Fale Conosco
Cidades
Barra de São João
Cascata
Casimiro de Abreu
Lumiar
Macaé
Niterói
Nova Friburgo
Petrópolis
Rio Bonito
Rio das Ostras
Sana
São Gonçalo
Silva Jardim
Seções
Academias
Acessória e Serviços
Açougues
Advogados
Agência de Receptivos
Agência de Turismo
Agropecuária
Alarmes de Segurança
Análises Clínicas
Assistência Veterinaria
Aula Particular
Auto Escola
Auto Peças
Automóveis
Bares e Choperias
Beleza,Moda e Confecção
Bicicletas
Buffet
Cabelereiros
Canis
Casas Noturnas
Celulares
Centro Médico
Chaveiros
Clínicas
Comércio de Veículos
Condomínios
Contabilidade
Contrução
Corretora de Seguros
Curso Profissionalizante
Decoração
Depósito de bebidas
Despachadoria
Distribuidora
Empréstimos Consignados
Escola
Esteticista
Estudio Tatoo
Fábrica
Farmácia
Festas e Entretenimento
Fisioterapia
Flipper
Fotografo
Grafic Design / Impresão
Gráficas
Hotéis
Imobiliaria
Imóveis
Informática
Instrumentos Musicais
Internet e Hospedagem
Lanchonetes
Lavajato
Locação de carros e Equipamentos
Locadoras
Loja de Bolsas
Loja de Departamentos
Loja de Informática
Lojas
Lotéricas
Madeireira
Manipulação e Homeopatia
Marmoraria
Mat. de Construção
Mecânico
Moda
Motéis
Oficina de Carro
Óticas
Padarias
Papelaria
Pesquisa SERASA e SPC
Pet Shop
Piscinas e Acessórios
Posto de Gasolina
Pousadas
Produtora de Eventos
Produtos de Beleza
Produtos Naturais
Provedor de Internet
Rádio
Restaurantes
Shopping
Sites
Sorveteria
Supermercados
Vidraçaria
Duas pessoas morrem com o vírus da gripe A H3 em Casimiro de Abreu Bookmark e Compartilhe
Publicado em: 08-05-2018


Foram confirmadas nesta quinta-feira, dia 03, duas mortes pelo vírus Influenza A H3 em Casimiro de Abreu, no interior do Rio. Segundo a Secretaria de Saúde Municipal, o A H3 circula durante o ano todo, mas tem maior incidência no outono e no inverno.

Uma das vítimas era moradora do distrito de Professor Souza e morreu em 20 de abril no Hospital Municipal Ângela Maria Simões Menezes. A paciente fazia parte do grupo de risco, pois já sofria de uma doença crônica e tinha baixa imunidade, de acordo com a Prefeitura de Casimiro de Abreu.

O Laboratório Central de Saúde Pública do Rio de Janeiro Noel Nutels (Lacen-RJ), responsável pelos diagnósticos, também confirmou que um morador de Rocha Leão, distrito de Rio das Ostras, morreu quando estava internado no Hospital Municipal de Casimiro pelo vírus A H3. Ele morreu poucos dias depois da moradora de Casimiro.

O Lacen-RJ descartou a possibilidade das mortes terem sido causadas por H1N1 ou H3N2. A vacinação contra a gripe começou no dia 24 de abril na cidade.

A Prefeitura informou que a Secretaria de Saúde de Casimiro de Abreu já vem tomando todas as medidas necessárias. Por prevenção, o Hospital Municipal vem adotando, desde abril, o uso de máscaras nos pacientes com sintomas de resfriado e gripe, além de higienização das mãos com álcool em gel.

A Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza terá o Dia D de vacinação em 12 de maio. Segundo a Prefeitua, foi solicitado ao governo do Estado reforço no estoque de vacinas.

Recomendações
A principal recomendação para todos é que continuem a prevenção lavando as mãos com frequência; arejando bem a casa; se estiver resfriado ou gripado, não compartilhar objetos pessoais, usar lenços de papel. Para o grupo de risco a orientação é a vacinação.

A Campanha Nacional de Vacinação contra influenza ocorre em todo município, nas Unidades de Saúde com sala de vacina e no Centro de Especialidades Médicas (CREM), no Centro de Casimiro de Abreu, das 8h às 17h, de segunda a sexta.

De acordo com protocolo do Ministério da Saúde, as vacinas são destinadas, prioritariamente, para o grupo de pessoas com maior risco: crianças de 6 meses a menores de 5 anos, gestantes, mulheres com até 45 dias após o parto, professores, profissionais da saúde e pessoas com mais 60 anos. Aquelas portadoras de doenças crônicas poderão tomar a vacina em seu posto de saúde ou com laudo médico em qualquer outra unidade vacinadora. A vacinação acontece até o dia 1º de junho.

Fonte:Duas pessoas morrem com o vírus da gripe A H3 em Casimiro de Abreu

Foram confirmadas nesta quinta-feira, dia 03, duas mortes pelo vírus Influenza A H3 em Casimiro de Abreu, no interior do Rio. Segundo a Secretaria de Saúde Municipal, o A H3 circula durante o ano todo, mas tem maior incidência no outono e no inverno.

Uma das vítimas era moradora do distrito de Professor Souza e morreu em 20 de abril no Hospital Municipal Ângela Maria Simões Menezes. A paciente fazia parte do grupo de risco, pois já sofria de uma doença crônica e tinha baixa imunidade, de acordo com a Prefeitura de Casimiro de Abreu.

O Laboratório Central de Saúde Pública do Rio de Janeiro Noel Nutels (Lacen-RJ), responsável pelos diagnósticos, também confirmou que um morador de Rocha Leão, distrito de Rio das Ostras, morreu quando estava internado no Hospital Municipal de Casimiro pelo vírus A H3. Ele morreu poucos dias depois da moradora de Casimiro.

O Lacen-RJ descartou a possibilidade das mortes terem sido causadas por H1N1 ou H3N2. A vacinação contra a gripe começou no dia 24 de abril na cidade.

A Prefeitura informou que a Secretaria de Saúde de Casimiro de Abreu já vem tomando todas as medidas necessárias. Por prevenção, o Hospital Municipal vem adotando, desde abril, o uso de máscaras nos pacientes com sintomas de resfriado e gripe, além de higienização das mãos com álcool em gel.

A Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza terá o Dia D de vacinação em 12 de maio. Segundo a Prefeitua, foi solicitado ao governo do Estado reforço no estoque de vacinas.

Recomendações
A principal recomendação para todos é que continuem a prevenção lavando as mãos com frequência; arejando bem a casa; se estiver resfriado ou gripado, não compartilhar objetos pessoais, usar lenços de papel. Para o grupo de risco a orientação é a vacinação.

A Campanha Nacional de Vacinação contra influenza ocorre em todo município, nas Unidades de Saúde com sala de vacina e no Centro de Especialidades Médicas (CREM), no Centro de Casimiro de Abreu, das 8h às 17h, de segunda a sexta.

De acordo com protocolo do Ministério da Saúde, as vacinas são destinadas, prioritariamente, para o grupo de pessoas com maior risco: crianças de 6 meses a menores de 5 anos, gestantes, mulheres com até 45 dias após o parto, professores, profissionais da saúde e pessoas com mais 60 anos. Aquelas portadoras de doenças crônicas poderão tomar a vacina em seu posto de saúde ou com laudo médico em qualquer outra unidade vacinadora. A vacinação acontece até o dia 1º de junho.

Fonte:http://jornaldesabado.net/

 

Radio Jovem Online

 

Sana/Publicidade

Barra de São João/Publicidade

Rio Bonito

Rio das Ostras/Publicidade

Tempo
Publicidade



Guia Serramar- Todos os Direitos Reservados.
Construção e Hospedagem: Cabreu Voip
(22) 2778-3853 ou (22) 99981-3490 VIVO / Whatsapp